Frei Paulo Maria prega sobre a importância da família no 19º Canta Jardim

A Milícia da Imaculada, quem em 2017 completa 100 anos, foi fundada por são Maximiliano Maria Kolbe, grande santo franciscano, que morreu no lugar de um pai de família no campo de concentração de Auchwitz. Inspirado pela ação do santo, Frei Paulo Maria, diretor nacional da Milícia da Imaculada, pregou sobre a importância da família no 19º Canta Jardim.

Confira algumas das exortações do frei, durante a pregação:

“Aqueles que anunciam sobre a salvação da família serão os mais perseguidos porque o preço é alto!”

“Escolher Deus, implica renunciar os ídolos. E existem três ídolos que devem sair de nossas famílias: o aborto, o divórcio e o dinheiro.”

“Deus destinou a salvação do mundo principalmente por meio das mães e dos sacerdotes.Se não temos ventres santos, não teremos sacerdotes santos e não poderemos comungar Jesus.”

“Precisamos de famílias santas! Restaurar um matrimônio não é coisa de um dia! Pode levar meses, anos… Se o padre não lutar junto, o mal não poderá ser vencido!”

“Acaso o pecado é um deus, para você dizer que não vai conseguir vencê-lo?”

“A criança é um elo entre os pais. Pode ser morando numa casa simples, dormindo em um barraco de papelão que se os pais vivem bem, elas são felizes!”

“Essa história de que a criança acha bom o divórcio porque tem duas casas é conversa! O divórcio cria crianças depressivas, isoladas! Adolescentes que são incapazes de rezar um terço, mas lêem livros de 700 páginas sobre vampiros e bruxarias numa semana…”

“Tem gente que não quer mais filhos porque diz que sai caro. Tem que matar é a vaidade! A vaidade de querer dar só as melhores coisas, roupas e brinquedos, dar tudo que o filho quer. Nem tudo nessa vida é comprado com dinheiro.”

“A família é a igreja, a igreja de casa, a igreja doméstica!”

Deixe uma resposta